Obras de construção da barragem no assentamento Genivaldo Moura avançam em ritmo acelerado.

Previous Next

Com a capacidade de 17 milhões de litros de água a barragem do assentamento Genivaldo Moura está avançando para a sua conclusão. Com um paredão de contenção com mais de 3 metros de altura, este modelo inédito de construção em Delmiro Gouveia, irá proporcionar mais segurança e também a possibilidade de lavagem quando necessário.
As águas represadas irão vir das chuvas e também do Canal do Sertão, mantendo sempre o nível de água disponível para o uso na irrigação das áreas produtivas e, também, para a criação de animais como caprinos e bovinos.
Ao todo serão construídas 8 barragens beneficiando cerca de 600 famílias nos povoados Alto Bonito, Bom Jesus, Sinimbu e Moxotó das Areias, além dos assentamentos Genivaldo Moura, Maria Cristina 1, 2 e 3 e no 44. Mais de 100 milhões de litros estarão represados, um volume capaz de abastecer uma cidade com 40 mil habitantes durante 30 dias.
“Este é o fim do sofrimento do agricultor e o início da transformação na vida de cada família da zona rural do município. Avançamos muito na distribuição de água nos povoados e, em boa parte deles, não existe mais a dependência do caminhão pipa e a seca faz parte do passado. Com a construção das 8 barragens iremos proporcionar uma transformação nunca vista em Delmiro Gouveia, onde os produtores rurais poderão matar a sede dos seus rebanhos e a produção de frutas e verduras irá contar com abastecimento constante de água”, destacou o Prefeito Padre Eraldo.


Imprimir   Email